viasacra_050322

Papa Francisco: oito motivos para rezar a Via Sacra

Também chamada de Via Crúcis, esta antiquíssima e piedosa tradição é uma forma profunda de acompanhar os passos de Jesus

AVia Sacra (“Caminho Sagrado”) ou Via Crúcis (“Caminho da Cruz”), ambas expressões em latim, é uma tradição piedosa católica que remonta ao século IV, quando os cristãos se dirigiam em peregrinação à Terra Santa para refazer a trajetória de Jesus.

Durante a Via Sacra com os participantes da Jornada Mundial da Juventude de 2013, no Rio de Janeiro, o Papa Francisco nos apresentou 8 motivos para rezarmos a Via Sacra:

1. É um gesto de confiança em Deus:

“Na Cruz de Cristo está todo o amor de Deus, está a sua imensa misericórdia. E este é um amor em que podemos confiar, em que podemos crer. Confiemos em Jesus, abandonemo-nos a Ele, porque Ele nunca desilude ninguém! Só em Cristo morto e ressuscitado encontramos a salvação e a redenção”.

2. É uma renovação da nossa adesão à Cruz de Cristo:

“E você, qual deles quer ser? Como Pilatos, como o Cireneu, como Maria? Agora Jesus está olhando para você e lhe diz: Quer me ajudar a carregar a Cruz? Irmãos e irmãs, com toda a sua força jovem, o que vocês lhe respondem?”.

3. É uma lembrança de que Jesus sofre conosco:

“Na Cruz de Cristo está o sofrimento, o pecado do homem, o nosso também, e Ele acolhe tudo com seus braços abertos; Ele carrega nas costas as nossas cruzes e nos diz: Coragem! Você não está sozinho a levá-la! Eu a levo com você. Eu venci a morte e vim para lhe dar esperança, para lhe dar vida”.

4. É um convite à ação:

“Mas a Cruz de Cristo convida também a nos deixarmos contagiar por este amor; ela nos ensina a olhar sempre para o outro com misericórdia e amor, sobretudo para quem sofre, para quem tem necessidade de ajuda, para quem espera uma palavra, um gesto; a Cruz nos convida a sair de nós mesmos para ir ao encontro dessas pessoas e lhes estender a mão”.

5. É uma ajuda para decidir a favor ou contra Jesus:

“[A Cruz] revela um julgamento: Deus, ao nos julgar, nos ama. Lembremo-nos disso: Deus nos julga amando-nos. Se eu aceito o Seu amor, então sou salvo; se o rejeito, então me condeno. Não é Ele que me condena, sou eu mesmo, porque Deus nunca condena, Ele só ama e salva”.

6. É a resposta de Deus para o mal no mundo:

“A Cruz é a palavra por meio da qual Deus respondeu ao mal no mundo. Algumas vezes, parece que Deus não reage diante do mal, parece que fica em silêncio. No entanto, Deus falou, respondeu, e a Sua resposta é a Cruz de Cristo: uma palavra que é amor, misericórdia, perdão”.

7. É uma renovação da certeza do amor de Deus por nós

“O que a Cruz deu aos que olharam para ela, aos que a tocaram? O que a Cruz deixou em cada um de nós? Ela nos dá um tesouro que ninguém mais pode dar: a certeza do amor fiel que Deus tem por nós”.

8. É um guia que nos leva da cruz à Ressurreição

“Ó Jesus, guiai-nos da Cruz à Ressurreição e ensinai-nos que o mal não tem a última palavra, mas sim o amor, a misericórdia e o perdão. Ó Cristo, ajudai-nos a exclamar outra vez: ‘Ontem fui crucificado com Cristo, hoje sou glorificado com Ele. Ontem morri com Ele, hoje vivo com Ele. Ontem fui enterrado com Ele, hoje ressuscito com Ele’”.

Com informações de Aleteia.com

Notícias Relacionadas

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print